Viaje na Leitura Entrevista: Giulia Moon e Luiza Salazar - Viaje na Leitura

04/10/2011

Viaje na Leitura Entrevista: Giulia Moon e Luiza Salazar


Olá Pessoal!

Esta pequena entrevista era pra ter ido ao ar antes da bienal, mas infelizmente acabei não conseguindo postar. 
Apesar do "pequeno atraso", hoje trago para vocês a entrevista com as autoras Giullia Moom (autora de "Kaori" e do recente lançamento "Kaori 2 ") e Luiza Salazar (autora de "Bios" e "Os Sete Selos")


Pri Beletato: Fale-nos um pouquinho sobre seu trabalho.

Giulia Moon: Sou escritora, e o tema do meu trabalho é criaturas fantásticas de qualquer natureza - principalmente vampiros. Comecei como contista em 2000, mas agora já tenho dois romances publicados: “Kaori: Perfume de Vampira” e “Kaori 2: Coração de Vampira”, onde traço os caminhos da vampira Kaori, uma adolescente que foi transformada em kyuketsuki (vampiro, em japonês) em 1647, em plena Era Tokugawa, num Japão fascinante de samurais, criaturas míticas e vilões insidiosos e violentos. Costumo mesclar nos meus romances o passado e o presente, o Oriente e o Ocidente, trazendo à tona seres de fábulas e lendas do Japão antigo, ao mesmo tempo em que a ação transcorre no Brasil de hoje, com seus contrastes e peculiaridades. O aspecto mais evidente do meu trabalho é a sensualidade, mas os meus enredos são cheios de ação e aventura. Meus vampiros são predadores ferozes, mas, ao mesmo tempo, podem ser mais humanos do que muita gente que vemos por aí... Se você, querido internauta, quiser conhecer histórias de vampiros bem diferentes do que se vê por aí, sugiro que experimente “Kaori”, tanto o primeiro quanto o segundo volume – livros que, aliás, podem ser lidos de forma independente, pois são aventuras completas.
Luiza Salazar: Bom, acho que já está mais ou menos claro pras pessoas que eu escrevo ficção YA (Young Adult). Eu sou apaixonada pelo gênero (apesar de não ler só isso) e eu me sinto mais conectada ao meio da ficção. Eu tento nem me restringir tanto pela idade de quem vai ler, mesmo porque tenho leitores de dez e quarenta anos e eu acho isso super legal!! Mas meu negócio é mesmo fantasia e ficção.

Pri Beletato: Como e quando você decidiu que queria ser escritora?

Giulia Moon: Acho que foi quando comecei a participar de um grupo de discussões na internet, chamado Tinta Rubra, de escritores amadores apaixonados por vampiros. Ali, percebi que o que eu escrevia tinha qualidade acima da média, e eu poderia ambicionar algo mais do que simplesmente escrever como um passatempo. Então a vontade de me profissionalizar começou a se formar na minha cabeça. Mas a consciência de que tinha mesmo me tornado escritora só veio com a publicação do meu primeiro livro a convite de uma editora, a Landy. Alguém estava investindo em mim, acreditando no meu talento. Isso fez a diferença.
Luiza Salazar: Eu não decidi isso na verdade. Desde pequena eu gosto muito de escrever e eu sempre escrevi, mesmo que fosse para relaxar. Sempre que eu estou triste eu escrevo sobre isso, só pra mim mesmo, e me ajuda muito. Acho que escrever um livro foi uma consequência natural disso. Que bom que hoje as pessoas dizem que eu sou escritora. Até agora não acredito muito nisso!


Pri Beletato: Como você vê o mercado editorial nacional?

Giulia Moon: Eu o vejo como um território cheio de possibilidades. Agora já sabemos que o leitor brasileiro gosta – e muito – de literatura de gênero, como a Fantasia, o Horror e a Ficção Científica. Quando lancei o meu primeiro livro em 2003, era muito mais difícil para um autor brasileiro publicar, pois predominava a ideia falsa de que o brasileiro não era capaz de produzir esses gêneros com a competência dos estrangeiros. Hoje, acredito que alguns bons autores nacionais que despontaram por aí nos últimos anos, têm demonstrado que podemos fazer ficção de entretenimento igual ou melhor do que os estrangeiros, e garantiram um espaço nas prateleiras para a literatura nacional. E o público, como consequência, está cada vez mais estimulado a experimentar o gostinho da casa. Muitas editoras têm se aventurado na área do fantástico, lançando novos autores brasileiros. Desses, deverão surgir alguns que, com o seu talento, irão se destacar nos anos futuros, dando continuidade ao trabalho dos veteranos – como deve ser. Por enquanto, o mercado é pequeno e difícil, mas, repito, cheio de possibilidades, que, espero, sejam aproveitadas com competência por todos os envolvidos no ramo, para criar um negócio que dê lucros, produza bons produtos e ofereça ao autor nacional a chance de viver do seu trabalho de forma decente e digna.
Luiza Salazar: Infelizmente, nosso mercado ainda é muito fraco. A começar pelo fato de que brasileiros em geral (e isso inclui o mercado) são muito movidos por tendência. Então, quando tem tendência de livro de auto ajuda, todo mundo publica isso. Poesia, a mesma coisa. O mercado nacional tem pouco espaço para fantasia e ficção, especialmente se vier de autores nacionais. E isso é uma pena porque tem muitos talentos por aí. A desculpa de que brasileiro não lê não cola. Se houvesse um investimento e uma seriedade maior por parte da indústria, sem dúvida iria facilitar a procura por livros. Mas eu sou positiva e acho que estamos indo no caminho certo. Agora falta um pouco de apoio da população.

Pri Beletato: Para o autor nacional qual é a importância dos blogs literários?

Giulia Moon: Com a falta de espaço nas mídias de massa, os blogs literários cumprem uma função primordial, o de informar o leitor médio das novidades do setor. E servem como uma fonte igualmente interessante às editoras e ao autor, trazendo também o feedback dos leitores ao livro. Os blogs são, hoje, nossos parceiros e aliados importantes na difícil tarefa de manter a literatura fantástica nacional viva nas livrarias. E não poderia ser diferente, pois, tanto nós, escritores, quanto os blogueiros, começamos a escrever pela mesma razão: amor pelos livros, pela literatura!
Luiza Salazar: Acho que para qualquer autor, independente de ser nacional, blogs são super importantes. Eu mesma leio vários blogs em que procuro recomendações quando não tenho o que ler (apesar de fazer um tempo que isso não acontece.) Internet é o futuro e é o meio mais rápido de procurar e disseminar informação. Um livro ser resenhado em vários blogs sem dúvida ajuda muito na recepção desse livro e, consequentemente, nas vendas. Eu me considero muito sortuda de conhecer tantos blogs e ser apoiada por tanta gente bacana!!

Pri Beletato: Deixe seu recado para os leitores.

Giulia Moon: Leiam. E divirtam-se. Não há melhor estímulo para a alma do que um bom livro - e nada mais delicioso! 
Luiza Salazar: Continuem lendo. Eu nunca me canso de dizer que sem leitores não haveriam escritores. Muita gente me manda email dizendo que é meu fã e tal, quando na verdade deveria ser o contrário. Nós só temos a agradecer o carinho e atenção que vocês nos dão todos os dias e não existe sensação melhor do que saber que uma história que você inventou em um dos seus muitos momentos de loucura está sendo lida (e, com alguma sorte, apreciada) por pessoas de verdade, leitores críticos e maravilhosos. Eu só tenho a dizer muito obrigada!

16 comentários

  1. Caramba, quando eu vejo que existem escritores brasileiros que são tão bons no que fazem, eu sinto orgulho! Como elas mesmas disseram o mercado no Brasil era (e talvez ainda seja) muito preconceituoso com escritores nacionais e tendencioso com livros que viram "modinha" lá fora. Nunca li nenhum livro das autoras citadas mas já li várias criticas positivas sobre eles! Gostai bastante da entrevista, Pri. Beijos!

    ResponderExcluir
  2. Ei Pri...

    Nooossa que presentão esse que vc conseguiu pra gente heim? Adolo conhecer um pouquinhos mais as nossas autoras, mesmo que ainda não tenha lido nada de nenhuma das duas.

    Gostei muito das suas perguntas, acho que vc 'cercou' bem como o tipo de pergunta que gostariamos de fazer

    Parabéns e obrigada pelo presentão. Sucesso pra autoras e para vc tbem querida, beijos

    ResponderExcluir
  3. Legal esta entrevista..é muito bom termos autores brasileiros representando o país no cenário literário!!!!
    Os livro parecem muito bons e estou com muita vontade de ler!!!!!

    bjus

    ResponderExcluir
  4. Acho que o meu comentário deu erro..por isso estou escrevendo novamente....
    Muito boa a entrevista!!!!!
    E muito legal ver autores brasileiros representando o país no cenário literário...
    Os livros parecem ser muito bons e estou com muita vontade de ler!!!!!

    bjus

    ResponderExcluir
  5. Parabéns para as autoras,e parabéns pela entrevista,bem explicativa e focalizada.
    Bjnhos.
    Luciane Oppelt

    ResponderExcluir
  6. ótima entrevista; parabens as autoras por seus trabalhos; quero demais ler kaori ouvi falar que vale a pena!

    ResponderExcluir
  7. Super legal!
    Ler entrevistas com autores é tão fofo! Porque as vezes sinto que eles são de outro mundo, ai leio entrevista e vejo como são pessoas 'comuns' <3
    Sou louca para ler Kaori!
    Amo literatura brasileira! Luiza Salazar e Giulia Moon são duas lindinhas!
    Beijos

    ResponderExcluir
  8. Adorei a entrevista com as autoras. Ficou muito boa.

    ResponderExcluir
  9. entrevistas super interessantes. =D
    duas autoras incríveis.
    *_* uhul literatura brasileira!!!!!

    ResponderExcluir
  10. Ainda não li nenhum livro dessas autoras mas elas parecem ser mto simpáticas!! Ótima entrevista. Bjos

    ResponderExcluir
  11. gosto muito de conhecer um pouco mais sobre os autores, tbm faço algumas entrevistas.... percebo que temos autores otimos, mas infelizmente ainda um pouco escondidos...
    bjs

    ResponderExcluir
  12. Legal! Bom ver que há autores nacionais crescendo! Concordo com a Luiza sobre a questão do público serguir tendência do momento, o que é natural pois somos muito novos no mercado de leitores! Acredito também que o povo leitor brasileiro esteja amadurencendo e vendo que não é só porque a literatura é estrangeira que é boa e porque é nacional é ruim...

    bjs

    ResponderExcluir
  13. Adorei a entrevista! Elas são umas fofas! Sucesso, meninas!

    Beijos,

    Mariana Sampaio
    Blog Tijolinhos de Papel

    ResponderExcluir

Nós da equipe do Viaje na Leitura, agradecemos seu comentário. Sua opinião é de extrema importância para nós. Volte Sempre!

Em breve retribuiremos sua visita!